Preços de imóveis sofreram queda real neste ano



De acordo com o FipeZap, os preços dos imóveis sofreram queda real de 2,92% no acumulado deste ano, já que o preço dos anúncios aumentou 0,02% enquanto a inflação esperada foi de 3,04% no período de janeiro a novembro de 2019.

Até o mês de novembro deste ano, 2019, o preço médio dos imóveis ficou quase estável, já que teve uma alta de somente 0,02%, de acordo com o relatório divulgado pela FipeZap hoje, dia 3 de dezembro. Esta variação foi pequena, comparada à inflação de 3,04% que era esperada para o mesmo período, o que resulta em uma queda real de 2,92% do preço dos imóveis.

A FipeZap analisa e monitora os preços de anúncios de imóveis à venda em 50 cidades brasileiras. A comparação da variação destes valores com a inflação é feita de acordo com as previsões do Boletim Focus e do Banco Central, para o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), o qual é medido pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE).

Comparando os últimos 12 meses, a FipeZap mostra que os preços abaixo da inflação tiveram uma alta, subindo 0,14% abaixo da inflação prevista de 3,19% no período, resultando, assim, em uma queda real de 2,96% nos preços.



Você precisa de ajuda para regularizar o documento de seu imóvel? Recebeu uma notificação da Prefeitura? Então você precisa de um Despachante Online.

Para facilitar a vida do cidadão no fechamento de negócios e maior velocidade na obtenção dos documentos e redução de custos o IPTUS.COM.BR oferece um serviço simples e rápido para solicitação e entrega de certidões. Conheça nossos serviços. Saiba mais.